Um projeto de lei quer autorizar que as mulheres faltem em até três dias o trabalho no período do mês em que estiverem menstruadas. O projeto foi protocolado em dezembro, de acordo com o Gazeta do Povo, e começa a tramitar na Câmara dos Deputados com a retomada dos trabalhos na Casa. De acordo com a proposta, a ausência pode acontecer em todos os meses, estando a empresa autorizada a exigir compensação em outros dias das horas não trabalhadas. O deputado Carlos Bezerra (PMDB-MT), autor do projeto, justificou sua proposta usando argumentos médicos de que essa seria uma maneira de aumentar a produtividade das mulheres. Isso porque, durante o período menstrual, muitas mulheres ficam debilitadas, com dores, cólicas e dor de cabeça, mantendo dificuldade de manter seu ritmo usual. Segundo Bezerra, o direito já existe há décadas em países como Japão e China, e recentemente na Zâmbia.

Fonte: BahiaNotícias


Começou nesta segunda feira (6) as aulas em toda a rede Municipal de Ensino em Apuarema. Para começar em alto estilo, a Secretaria Municipal de Educação e Diretoria de Cultura, realizaram uma aula inaugural com apresentação da peça teatral “Realizando Sonhos” no Centro de Cultura Renato Tomaz Junior.

As crianças que compareceram para assistir a Peça teatral ficaram encantadas e interagiram com os personagens. Segundo a Secretaria Municipal de Educação, a Cultura do Município precisa ser mais valorizada para que talentos de Apuarema possam mostrar seus trabalhos.

A apresentação, contou com participações de professores, alunos e outros profissionais ligados a educação. Segundo o Diretor de Cultura Devid Robert, ainda tem vagas para pessoas que queiram participar dos projetos culturais e as pessoas interessadas é só procurar a Secretaria Municipal de Educação e fazer a inscrição.

Todos os envolvidos nas peças teatrais do Município são artistas de Apuarema que participam dos projetos da Diretoria de Cultura. Segundo Devid, o Prefeito Raival Pinheiro, está priorizando a Cultura local dando oportunidade para quem quer mostrar seu talento.

ASCOM/Prefeitura Municipal de Apuarema


Um homem acusado de tráfico internacional de drogas foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta sexta-feira (3), em Ibotirama. O suspeito conduzia um veículo modelo FORD/Ranger roubado ano passado em Olinda/PE. A ocorrência foi registrada no KM 582, da BR 242. O acusado possui registro na Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol). Durante a abordagem os policiais identificaram indícios de falsificação no Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV), e adulterações também na identificação veicular. Após a averiguação, a equipe concluiu que o veículo apresentava placa ‘clonada’ de um carro similar com situação regular. O condutor, de 48 anos, informou aos policiais que havia comprado o carro por R$ 35 mil, em Aracaju/SE. Ainda de acordo com o seu depoimento, ele tinha com destino final o município de Campo Grande/MS, onde iria visitar familiares. Uma mulher estava com ele no momento da abordagem. A polícia acredita que o homem identificado como traficante internacional de drogas, teria trocado a caminhonete por entorpecentes na região de fronteira, para onde revelou posteriormente estar seguindo. O acusado foi preso em flagrante por receptação e uso de documento falso, ele foi levado para a delegacia de polícia de Ibotirama.

Fonte: BahiaNotícias


“A casa-grande surta quando a senzala vira médica”. A frase da primeira colocada em Medicina da Universidade de São Paulo (USP) de Ribeirão Preto, curso mais concorrido da Fuvest-2017, funciona como um recado de Bruna Sena, de 17 anos, para a sociedade. Negra, pobre, estudante de escola pública e criada apenas pela mãe, que recebe somente R$ 1,4 mil mensais como operadora de caixa de supermercado, a adolescente será a primeira da família com curso superior. Alegre com a conquista da filha, Dinália Sena, de 50 anos, também não esconde estar apavorada. Tem medo que a filha seja alvo de ofensas racistas. É que, “no meio dos brancos e ricos da faculdade”, Bruna será o “1% negro”. “Por favor, coloque no jornal que tenho medo dos racistas”, pede uma mãe receosa de uma provável hostilidade contra a filha. Por outro lado, a primeira colocada em Medicina em uma das universidades mais prestigiadas do país mostra-se tranquila. Sabe que a “ascensão social do negro incomoda”, mas também está pronta para responder às ofensas com a defesa de sua raça, de cotas sociais e de mais oportunidades para os negros no país. “Claro que a ascensão social do negro incomoda, assim como incomoda quando o filho da empregada melhora de vida, passa na Fuvest. Não posso dizer que já sofri racismo, até porque não tinha maturidade e conhecimento para reconhecer atitudes racistas”, diz a caloura, em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo. Ao defender as costas, Bruna lembra que “não há como concorrer de igual para igual quando não se tem oportunidade de vida iguais”. “Alguns se esquecem do passado, que foram anos de escravidão e sofrimento para os negros. Os programas de cota são paliativos, mas precisam existir”, ressalta. Para enfrentar a alta concorrência de 75,58 candidatos por vaga, a estudante se preparou muito, ao longo de toda sua vida escolar. A dedicação da filha é fruto de orgulho para a mãe. “Ela só tirava notas 9 ou 10. Uma vez, tirou um 7 e fui até a escola para saber o que tinha acontecido. Não dava para acreditar. Falei com o diretor e ele descobriu que tinham trocado a nota dela com um menino chamado Bruno”, alegra-se Dinália. Moradora de um conjunto habitacional na periferia de Ribeirão Preto, a estudante pretende atender, no futuro, pessoas de baixa renda. “Claro que não sei ainda qual especialidade pretendo seguir, mas sei que quero atender pessoas de baixa renda, que precisam de ajuda, que precisam de alguém para dar a mão e de saúde de qualidade”, declara. Engajada na defesa de causas sociais como o feminismo, o movimento negro e a liberdade de gênero, a adolescente orgulha-se do cabelo crespo e de sua origem. “Minha mãe ralou muito para que eu tivesse esse resultado e preciso honrar isso”, afirma.

Fonte: BahiaNotícias


O concurso público da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba) será aplicado no dia 12 de fevereiro, em Salvador. Segundo informações do Governo do Estado, são quase 17 mil inscritos para responder as provas. (Acesse aqui os editais do concurso) Os exames serão aplicadas no turno matutino, a partir das 9h15, com abertura dos portões às 8h e fechamento às 9h. De acordo com a gestão estadual, é recomendável que os candidatos compareçam ao local de provas com antecedência porque os portões ficarão abertos por apenas uma hora. As provas terão duração de 4h30. Também é necessário que o candidato compareça à prova portando o comprovante de inscrição, documento oficial com foto e caneta esferográfica, azul ou preta, de material transparente, bem como lápis preto e borracha. Os locais de prova serão divulgados no site da organizadora, o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação, e no Portal do Servidor a partir das 10h da segunda-feira (6). O concurso é promovido pela Secretaria da Administração do Estado (Saeb) e atende ao Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), assinado entre Agerba e Ministério Público Estadual. As vagas são para os cargos de especialista em regulação e técnico em regulação. Para especialista, as vagas ofertadas estão nas cidades baianas de Barreiras (1), Bom Jesus da Lapa (1), Salvador (20), Seabra (1) e Teixeira de Freitas (1). Para técnico, as vagas são para Alagoinhas (2), Barreiras (3), Bom Jesus da Lapa (2), Feira de Santana (2), Itabuna (2), Jequié (1), Juazeiro (2), Salvador (15), Santo Antônio de Jesus (1), Seabra (3), Teixeira de Freitas (2) e Vitória da Conquista (1). Para especialista em regulação, é preciso ter graduação em Administração, Ciências Econômicas, Ciências Contábeis, Direito, Estatística, Arquitetura, Engenharia Civil, Engenharia Elé trica, Engenharia Química, Engenharia de Computação, Engenharia Mecânica, Engenharia Naval, Engenharia de Transportes, Ciência da Computação, Processamento de Dados, Análise de Sistemas, Informática, Sistemas de Informação ou Tecnologia da Informação. A remuneração é de R$ 6.021,64. A carga horária é de 40 horas semanais. Para o técnico em regulação, é preciso ter Ensino Médio. A remuneração é de R$ 2.146,37. De acordo com o órgão, o concurso terá provas e títulos para o cargo de especialista em regulação e de provas para o cargo de técnico em regulação. Fonte: Blog Marcos Frahm


O governador Rui Costa anunciou que o concurso para os bombeiros e Polícia Militar da Bahia, anunciado no ano passado, acontece até abril. Serão duas mil vagas para soldados da PM, 60 para oficiais, 750 vagas para soldados do Corpo de Bombeiros e 30 para oficiais da mesma corporação. O certame será para repor os servidores que vão se aposentar ou estão prestes a fazê-los.  Para melhorar a infraestrutura aos policiais, ele anunciou também a troca de todas as viaturas da Polícia Militar e da Polícia Civil e o investimento de 260 milhões em ampliação do videomonitoramento em salvador. Entre os projetos prioritários a serem enviados pelo Executivo para a Assembleia Legislativa este ano está a criação de um Fundo Penitenciário. O governador anunciou que tem o objetivo de igualar o número de presos ao de vagas na Bahia, apesar de alegar que o estado é a unidade federativa do Brasil com a menor proporção de presos e vagas. ”Estamos finalizando a abertura de 5.035 novas vagas no sistema prisional baiano”, apontou o governador. Quatro presídios do estado estão construídos e nos últimos ajustes para o funcionamento e, juntos tem capacidade para cerca de duas mil vagas. Atualmente, o déficit de vagas no estado é entre duas e três mil vagas. Ainda na questão penitenciária, o governador anunciou que vai investir mais em condições para a aplicação de penas alternativas, evitando que o preso que cometeu crimes de menor gravidade se misture com aqueles envolvidos no crime organizado. Ele salientou que o estado permite que em 16 cidades presos cumprem penas alternativas prestando algum serviço público, sob monitoramento do estado. Destacando os avanços que houveram na relação entre a polícia militar e a população civil com a implantação das Bases Comunitárias de Segurança, Rui revelou que vai aprofundar mais esta relação através da implantação de centros olímpicos no interior do estados abertos à comunidade em dez quarteis da PM. ”Com isso chamamos a juventude para a prática esportiva e  integramos nossa polícia com a comunidade”. O governador revelou que as reuniões do Programa Pacto pela Vida serão realizados no interior do estado. Segundo Rui, a medida visa reduzir os índices de crimes violentos e letais fora da capital. Ele anunciou que com o programa conseguiu essa diminuição por dois anos seguidos em Salvador e Região Metropolitana. Fonte: Blog Marcos Frahm


A Jornada Pedagógica começou oficialmente nesta quarta feira (1) e a abertura foi marcada por música ao vivo com artistas da terra que abrilhantaram e receberam os participantes da Jornada cantando MPB.

A Valorização na cultura local faz parte do plano de Governo do Prefeito Raival Pinheiro. As cantoras Rafaela e Joelma, acompanhadas pelo músico Ivan, abriram a Jornada Pedagógica 2017 cantando os maiores sucessos da MPB e as músicas da atualidade.

As pessoas que participaram do primeiro dia de evento, puderam acompanhar um pouco dos trabalhos desses artistas que estão recebendo apoio da Diretoria de Cultura através do projeto CULTURA E COMUNIDADE que visa valorizar os artistas de Apuarema com várias oficinas que são oferecidas de forma gratuita para quem quer mostrar seu talento.

ASCOM/Prefeitura de Apuarema


 

O primeiro dia de Jornada Pedagógica em Apuarema teve casa cheia. Os profissionais da Área de Educação compareceram em massa. Bem como lideranças, entidades, Secretários do Município, Vereadores Vice Prefeito Catarino e o Prefeito Raival Pinheiro.

O evento começou nesta quarta feira (1) e deixou a Secretária de Educação, Vanilza Amparo, bastante satisfeita com o sucesso da Jornada. Logo no início, os participantes foram recebidos com um delicioso café da manhã e música ao vivo.

Segundo a Secretária, a Jornada deste ano, apresentará muitas novidades, a exemplo de apresentação cultural com artistas da terra, palestras com profissionais altamente qualificados para passar conhecimentos e dentre outros acontecimentos.

Todos que compareceram a abertura do evento, mostraram bastante satisfação com o retorno da Jornada Pedagógica no Município. Já que, há alguns anos aquele momento não acontecia. De acordo com a Secretária

Vanilza, o Prefeito Raival Pinheiro, fez questão de antecipar a Jornada no primeiro dia do mês de fevereiro com início das aulas dia 06 do mesmo mês para que sejam cumpridos os duzentos dias letivos sem a obrigação de ir às salas de aula aos sábados.

A Jornada Pedagógica começou nesta quarta feira (1) e encerrará na próxima sexta feira (3). Durante os três dias de evento, serão realizadas palestras, oficinas e discussões para o aprimoramento na Educação de Apuarema.

 

ASCOM/Prefeitura de Apuarema


 

O Prefeito Raival Pinheiro, vem sendo motivos de elogios durante esse primeiro mês de mandato a frente do poder executivo em Apuarema. Em discurso proferido na manhã desta quarta feira (1) na Jornada Pedagógica, o Prefeito, disse que é preciso respeitar o povo de forma geral.

Segundo Raival, o povo é o patrão e o administrador público é o funcionário. Por isso, é preciso que cada chefe de setor em seu governo, trate toda a população bem. “Como você gostaria de ser tratado? Então, ao receber o cidadão em cada setor, o trate bem porque foi o povo que nos colocou nessa posição e o povo merece atenção e respeito. Atendam a todos bem, quem votou e quem não votou em nós. A política acabou, vamos tratar todos de forma igual”. Afirmou Raival.

Raival, disse ainda que se souber que alguém de seu governo tratou o cidadão com desdenho, o mesmo chamará para conversar evitando que o mesmo erro aconteça.

Essa atitude do Prefeito mostrou democracia e respeito ao cidadão apuaremense. Ao finalizar seu discurso, todos os presentes parabenizaram o prefeito por olhar a população por igual dando a todos direitos iguais.

 

ASCOM/Prefeitura de Apuarema


Foto:Willian Vital

Nos últimos dias do mês de Janeiro de 2017 , os Vereadores da Oposição Willian Vitan (PPS) e Madson Supriano , estiveram visitando algumas ações da Prefeitura Municipal de Apuarema, através de suas Secretarias e fizeram questão de reconhecer o bom andamento e ação dos funcionários e nova gestão.

Segundo declaração do próprio líder da oposição, o Vereador Willian Vital (PPS), o reconhecimento do bom início de gestão é importante, pois , o dever do legislador não está apenas em cobrar , mas, em reconhecer sempre que houver motivos.

 

“Devemos reconhecer o bom início de gestão do Governo Raival!” – Exclamou o Vereador.