Carlito de Jesus Brito, 35, e um comparsa assaltaram mercado nesta manhã

Dois acusados de assassinar um policial militar nesta quarta-feira (14), em Feira de Santana,
a 109 km de Salvador, foram mortos durante confronto com a polícia. O
soldado Paulo Rogério Araújo, 40 anos, foi atingido por dois tiros, um
no tórax e outro no maxilar, por volta de meio dia, no bairro Conceição.

A partir de informações de testemunhas do crime, guarnições do
Comando do Policiamento Regional Leste (CPRL/Feira de Santana)
localizaram Carlito de Jesus Brito, 35 anos, e um comparsa ainda não
identificado. Os dois foram perseguidos por viaturas da polícia e,
depois de uma troca de tiros, acabaram morrendo no confronto com os
policiais.

Carlito e o comparsa assaltaram um mercado na manhã
desta quarta e, na fuga, deram de frente com o policial, que estava
fardado. O soldado Araújo estava em serviço no posto da unidade da Casa
da Paz, unidade federal para recolhimento de armas de fogo na campanha
do desamamento, e havia saído para cumprir horário de almoço.

De
acordo com o coronel Adelmário Evangelista Xavier, comandante da
CPRL/Feira, o PM estava próximo de casa quando foi baleado: “ele saiu
para ir almoçar e já estava chegando em casa. Ele ainda conseguiu
deflagrar quatro tiros, mas só a perícia vai identificar se atingiu um
dos dois (suspeitos)”.

O soldado foi socorrido por uma equipe
do CPRL para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), mas não
resistiu. Ele integrava a PMBA há 18 anos e era lotado 66ª Companhia
Independente de Polícia Militar (CIPM), em Feira. O sepultamento do
corpo de Araújo está marcado para às 15h desta quinta-feira (15), no
Cemitério São Jorge, no bairro Sobradinho, em Feira.

Carlito respondia a três inquéritos e dois processos, por tráfico de drogas e assalto a mão armada.

PMs mortos em Feira
Dois
policias militares foram mortos na última semana no bairro Papagaio,
também em Feira de Santana. Os soldados Raimundo Lacerda da Paixão, 49
anos, e Wilson Raimundo Santos, 48, estavam a bordo de uma moto e
seguiam para um curso de formação de cabos, na sede do 1º Batalhão da
PM, em Feira, quando foram baleados, na quarta-feira passada (7).

 


 
O prefeito Capitão Azevedo, a ex-diretora Gilnay Santana (hoje
vice-prefeita eleita de Ibicuí) e mais cinco pessoas vão responder a
ação civil pública por inchaço da folha e contratação de funcionários
fantasmas no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem), em
Itabuna. A ação do Ministério Público estadual denuncia abuso em
contratação de servidor sem concurso público e mudanças em lei municipal
para sugar recursos da saúde. 
Conforme a apuração do MP, os gastos da fundação mantenedora do hospital
municipal com salário de contratados eram superiores aos de
concursados. A ação é assinada pelos promotores Inocêncio Santana,
Renata Caldas Lazzarini, Thaianna Rusciolelli Souza e Yuri Mello. 
Os promotores apontam, na ação, as rejeições de contas da Fundação de
Assistência à Saúde de Itabuna (Fasi) entre 2007 e 2010 por causa do
excesso de pessoal sem concurso, dentre outros motivos. De acordo com a
investigação, 90% da receita do hospital seria destinada hoje ao
pagamento de pessoal. 
“Folhas de pagamento de alguns meses do ano de 2011 revelam que as
despesas com pessoal são superiores aos valores admitidos pela Lei de
Responsabilidade Fiscal (LRF). Mesmo assim, o prefeito chegou a alterar
uma lei municipal, modificando a estrutura executiva da Fasi de forma
ilegal, para criar cargos comissionados e “empregar seus apadrinhados”.
(Fonte: Pimenta)


O atacante Souza, do Bahia, negou na tarde desta
quarta-feira (14) durante o seu depoimento na 23ª Delegacia Territorial
(DT/Lauro de Freitas) qualquer tipo de agressão à jovem Adriele dos
Santos Cerqueira, de 22 anos, durante uma festa realizada em sua casa.

A
atleta compareceu à delegacia por volta das 15 horas ao lado do
zagueiro e capitão do Bahia, Titi, que também prestou esclarecimentos. O
advogado do clube foi à unidade policial com os dois jogadores.


De acordo com Joelson Reis, titular da 23ª DT, Souza
permaneceu firme e tranquilo. “Ele disse que não conhecia Adriele e que
a viu pela primeira vez na festa”, disse o delegado que ainda
completou: “em um determinado momento, ele disse que a jovem começou a
beber muito e ficar descontrolada, quebrando copos e jogando bebida nos
outros. Foi aí que ele pediu que ela se retirasse”.

Antes de
chegar na casa de Souza, Adriele estava em um churrasco na casa do
goleiro Marcelo Lomba, que comparecerá à delegacia na próxima
terça-feira (20). Ainda segundo o delegado, o procedimento policial será
concluído e encaminhado à Justiça após o depoimento do goleiro. Souza
saiu da delegacia por volta das 17h30. 

 Adriele prestou depoimento um dia depois da agressão

Zagueiro Titi
O zagueiro e também capitão
do Bahia, Titi, informou em depoimento que esteve na festa de Lomba e
seguiu para a casa de Souza, onde permaneceu no imóvel por apenas 10
minutos. “Ele não chegou a ver a confusão, ele saiu antes”, disse
Joelson.

Agressão
A agressão teria acontecido durante uma festa no dia 17 de setembro, na casa de Souza localizada no Condomínio San Francisco, no bairro de Villas do Atlântico, em Lauro de Freitas.

O
jogador estava estava de folga e anteriormente estava com os jogadores
Titi e Lomba. Adriele registrou a denúncia de agressão na madrugada
desta terça-feira (18) e foi submetida a exames de corpo delito.


Segundo o Apuarema EmFoco, Com a publicação no
Diário Oficial do Estado da Bahia, acerca da mudança de comando militar
de Apuarema, hoje pertencente ao 19º BPM de Jequié, sob
responsabilidade do Tenente Coronel PM Serpa, surge uma grande esperança
na população de Apuarema, que sonha com a aquisição/chegada de uma nova
viatura da PM. O município de Apuarema nunca recebeu, desde sua
emancipação política (1989), uma viatura 0Km da Polícia Militar, apenas
veículos usados e desgastados, o que explica tamanho desejo da sociedade
apuaremense em ver a cidade sendo contemplada com melhorias à qualidade
de segurança pública.

Fonte: ApuaremaEmFoco


A Equipe da Itamari24hs
visitou vários bairros da cidade, e ficou claro que a feijoada mais
cara do Brasil, foi feita em Itamari. O lixo vem tomando conta
gradativamente da Cidade, o setor de Obras totalmente com serviços
paralisados, e a saúde hoje está bem pior, com o Hospital sem médicos.
Estamos quase convictos que os Secretários e funcionários de Primeiro e
Segundo escalões, estão de férias. Hoje podemos ver o atual gestor
abandonar uma cidade, depois de Perder a eleição. A situação no
município é de calamidade após a eleição, provavelmente o alcaide queira
punir a população pelo fracasso da eleição. Como diz lula: “Só um doido
aceita um segundo mandato se as condições estão desfavoráveis”.
Acreditamos
que a sede da Prefeitura Municipal de Itamari, foi transferida para
Jequié, pois o atual Gestor e seus comparsas estão despachando de
Jequié, mas convenhamos o tempero para a feijoada, foi superfaturado,
são craques em superfaturamento. O atual Gestor Waldson Carlos Menezes
(PT), o Kçulo, está atolado em dividas. Por isso, somos alertados
constantemente a não vendermos nosso voto, porque o preço disso sai
muito alto, e ai sofre todos, os criminosos e os inocentes.
Penas que
os Vereadores de Itamari, abaixam a cabeça, se vendem descaradamente, ou
até talvez não saiba o significado de “IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA”.
Fonte: Itamari24Horas

Por hora, a mulher negra ganha R$ 5,13, enquanto o homem não-negro ganha R$ 10,06 pelo mesmo período de trabalho

 

A grande maioria dos desempregados de Salvador e
região metropolitana é negra. Os dados são de um levantamento divulgado
nesta terça (13) pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais
da Bahia (SEI) e pelo Departamento Intersindical de Estatística e
Estudos Socioeconômicos (Dieese).
O estudo mostra que os negros correspondem a 92% dos
desempregados na região. Segundo o estudo, baseado em números da
Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), do IBGE, o percentual é bem
superior ao da população negra que está ocupada, equivalente a 88,4%.
A pesquisa mostra que, entre 2010 e 2011, houve uma
pequena melhoria nas disparidades entre negros (pretos e pardos) e
não-negros (brancos e amarelos) no mercado de trabalho da região, mas as
desigualdades persistem.
“Nota-se que, apesar da criação de novas posições de
trabalho, que reduziu a proporção de desempregados negros, ainda
persistem os mecanismos de recrutamento que destinam as condições mais
precárias e de menor remuneração para essa população, perpetuando a
desigualdade e replicando a discriminação”, disse o economista da PED,
João Teixeira.
A pesquisa mostrou, por exemplo, que as mulheres
negras ganham praticamente metade do homem não-negro, em média. Por
hora, a mulher negra ganha R$ 5,13, enquanto o homem não-negro ganha R$
10,06 pelo mesmo período de trabalho.

Por segmento da economia, o levantamento indicou um
aumento da participação de mulheres negras na indústria (14,8%). “Em
2010, eram 27 mil mulheres negras na indústria. Em 2011, esse número foi
para 31 mil”, destacou Ana Margaret Simões, do Dieese. Porém, 118 mil
delas, quase 20%, ainda se dedicam ao trabalho doméstico.

 


Ele lutava contra leucemia há cerca de um ano e se tratava no interior de São Paulo

 

O atacante Alex Alves, revelação do
Vitória nos anos 1990, faleceu na manhã desta quarta-feira (14). Ele lutava contra leucemia e havia passado por um transplante de medula óssea no
mês de outubro. A informação da morte do craque de 37 anos foi confirmada pela
assessoria de imprensa do Hospital Amaral Carvalho, que fica em Jaú, onde ele
se tratava da doença.

O hospital não confirma se a doença na medula foi a causa da morte do jogador.
Alex Alves estava acompanhado da irmã e tinha proibido que qualquer informação
sobre sua saúde fosse divulgada pela instituição, amigos e familiares. De
acordo com amigos, Alex Alves evitou se internar em um hospital público baiano
para que a informação sobre o problema não fosse divulgada.

Por isso, ele buscou uma alternativa em São Paulo. Após esperar na fila do
Sistema Único de Saúde (SUS), ele recebeu a notícia de que a medula do irmão
era compatível para que fosse feita a doação.

Partida beneficente

Amigos de Alex, os ex-jogadores Paulo Isidoro e Edílson pretendiam organizar
uma partida beneficente para arrecadar fundos em prol da vida do ídolo do Leão,
que passava por problemas financeiros. A partida, inclusive, seria realizada no
Barradão. O presidente do Vitória, Alexi Portela, já havia dito que o clube
daria apoio à ideia.

Carreira
Alex Alves despontou de vez para o futebol em 1993, ano do vice-campeonato
brasileiro do Vitória. Naquela oportunidade, o atacante entrou para seleção da
Bola de Prata, maior premiação do Campeonato Brasileiro. Além de ser lembrado
pelos gols, ficou marcado por comemorar com golpes de capoeira e detém o status
de primeiro jogador metrossexual do futebol brasileiro. Sua preocupação com a
aparência chamou a atenção do país nos anos 1990.

O sucesso o levou ao Palmeiras, campeão em cima do Vitória em 1993. O atacante
natural de Campo Formoso, na Bahia, ainda participou da conquista do título
nacional palmeirense de 1994. Alex Alves também se destacou com a camisa do
Cruzeiro, no final dos anos 90. Ele ainda defendeu o Vitória entre 2005 e 2006,
mas sem destaque. Seu último clube foi o União Rondonópolis, do Mato Grosso, em
2010. O atacante não chegou a anunciar a aposentadoria do futebol.


Hoje dia 14/11, o espetáculo ‘O Batom’ terá sua estréia,
ás 20h, no Salão Polivalente, em Apuarema; dirigido por Leandro Pereira e
intérpretes Vanilza Amparo, Vanuza Pereira, Rosana Claúdia, Cinthya
Silva, Sann Laurêncio,
Mary Palmeira, Elenilides Corrêia, Vanilda Amparo. Cheia de anseios,
inquietações e desejos até então impossíveis o “Batom” leva essa
mulher a uma outra realidade, e por meio da dança elas acreditam
poder expressar tudo o que sentem. Os ingressos (limitados) estão a
venda ao preço de 5 reais.


Uma das grandes bênçãos da vida é a experiência que os anos vividos nos concedem.
Aniversariar é uma amostra das oportunidades que temos de aprender a contar os nossos dias.
Hoje, mais um a janela se abre diante de seus olhos,
mais um espinho foi retirado da flor, restando apenas a beleza de tão bela data.

Os sintomas da felicidade se traduzem do otimismo, na fé,
na esperança tenho empenho por se ser melhor a cada dia.

Continue firme pelos caminhos da virilidade e suas verdades.

Continue trilhando pelos vales da vida, pois um dia encontrarás o mais belo jardim,
o jardim que representará a realização de seus maiores sonhos.

Que Deus te ilumine, todos os dias de sua vida.
Feliz Aniversário!